CONJUNTIVITE VIRAL

A partir de que idade as crianças podem usar óculos?
12 de junho de 2017
Como cuidar da saúde no inverno?
28 de junho de 2017

O que é?

Conjuntivite é o nome dado à inflamação da conjuntiva (tecido transparente que reveste o olho e as pálpebras internamente).

Como é feita a transmissão?

  • De pessoas para pessoa, quando há contato das mãos nos olhos e contaminação de objetos.
  • Por contato com objetos contaminados de uso pessoal (maquiagens, toalhas e outros).
  • Em alguns casos, por via respiratória quando o contato é próximo.

 

Como sei se peguei conjuntivite?

Existem alguns sinais e sintomas que indicam a conjuntivite, mas podem ocorrer de formas variadas de paciente para paciente. São eles:

  • Coceira
  • Inchaço das pálpebras
  • Pálpebras grudadas ao amanhecer
  • Lacrimejamento
  • Sensação de areia nos olhos
  • Muita sensibilidade a luz
  • Olhos vermelhos
  • Dor nos olhos
  • Embaçamento da visão
  • Gânglios dolorosos na região do pescoço

O que acontece após a transmissão?

  • De 3 a 5 dias: período de incubação após o contato inicial com o vírus. (sem sintomas aparentes)
  • De 7 a 14 dias: período da infecção e transmissão do vírus. (doença propriamente dita)
  • Até 30 dias: período da inflamação associada à infecção. (a hiperemia residual pode permanecer)

 

Peguei conjuntivite. E agora?

 Sentiu qualquer sintoma que incomode seus olhos? Então você deve procurar um oftalmologista imediatamente. Caso seja diagnosticada a conjuntivite, o médico irá orientá-lo sobre o que você deve fazer, mas, basicamente, deve seguir as indicações abaixo:

  • Se afastar as atividades escolares e/ou profissionais durante o período de transmissão do vírus.
  • O uso de antibióticos ou anti-inflamatórios é determinado de acordo com cada caso, então, cuidado com receitas caseiras ou indicações de terceiros.
  • É indicado o uso de lubrificantes para melhorar os sintomas do paciente.
  • Evitar exposição ao sol é fundamental.
  • É muito importante lavar as mãos várias vezes ao dia. O uso de álcool gel pode ser feito para a higiene das mãos.
  • Lavar o rosto com água corrente e sabonete neutro cerca de quatro vezes ao dia.
  • Compressas geladas com gaze ou algodão e água filtrada deverão ser realizadas entre quatro e seis vezes ao longo do dia.
  • Substâncias que contenham sal, como o soro fisiológico, deverão ser evitadas, pois geram quadro de ressecamento e irritação da pele das pálpebras.
  • Substâncias como água boricada não trazem nenhum benefício ao quadro, por isso, não devem ser utilizadas.
  • Os retornos deverão ocorrer de acordo com a orientação médica.
  • Atestados são fornecidos de acordo com orientação médica.

 

Como se trata de um agente altamente infeccioso, a higiene é fundamental no controle da disseminação e tratamento da conjuntivite, por isso, é muito importante lavar as mãos várias vezes ao dia!

Como prevenir?

  • Lave as mãos frequentemente com água e sabão.
  • Evite tocar os olhos sem higienizar as mãos.
  • Evite usar maquiagem de outras pessoas nos olhos.
  • Nunca use lentes de contato de outras pessoas.
  • Nunca use colírios utilizados anteriormente por pessoa com conjuntivite.
  • Não leve seu filho com conjuntivite para o berçário ou à escola até que o quadro tenha se resolvido.
  • Utilize apenas produtos descartáveis para limpeza e realização de compressas na área afetada pela conjuntivite (algodão, gaze ou lenço de papel), desprezando-os imediatamente após o uso.
  • Lave, regularmente, lençóis, fronhas e toalhas.

FONTE: Site H.Olhos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *